Portal Bahia Extremosul - Central de Notícias

publicado em 08/07/2021 às 14h23min

Sesab monta laboratório em Itabela para acelerar exames nos casos de malária

compartilha nas redes sociais:
Fernanda Silva/Bahiaextremosul

Foto: Reprodução

A Secretaria Estadual da Saúde (Sesab) montou um mini-laboratório na cidade de Itabela para agilizar os resultados dos exames de malária no município. 35 casos já foram confirmados na cidade e um caso em Porto Seguro.

Na manhã desta quinta-feira, 08 de julho, uma reunião virtual com técnicos da Sesab, da secretaria municipal de saúde de Itabela e equipes do Ministério da Saúde para analisar e avaliar as medidas que estão sendo tomadas para o controle da doença na região.

De acordo a secretária de saúde de Itabela, Wadla Cassiano, as medidas foram adotadas imediatamente nos casos positivos e alguns já finalizaram o tratamento. O município não tem nenhum paciente em estado grave ou critico decorrente da malária.

Segundo a Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz), a malária é potencialmente grave e costuma ser transmitida ao ser humano pela picada de mosquitos infectados pelo parasita. A doença também pode ser transmitida por compartilhamento de seringas, transfusão de sangue e até de mãe para feto, na gravidez.

A malária tem sintomas como febre alta, calafrios, sudorese e dor de cabeça. Além disso, o paciente infectado também pode ter dor muscular, taquicardia e aumento do baço. Geralmente, nos casos letais da doença, o paciente desenvolve o que se chama de malária cerebral.

Ainda de acordo com a Fiocruz, essa evolução da malária pode levar o paciente ao coma, já que também tem como sintomas ligeira rigidez na nuca, perturbações sensoriais, desorientação, sonolência ou excitação, convulsões e vômitos.

Até o momento 163 laminas foram coletadas no assentamento para análise da doença e cerca de 60 já foram analisadas pelo laboratorista vindo de Itapetinga para ajudar nos casos. Técnicos especializados em entomologia também estão no local para analisar o mosquito que está transmitindo a malária. Mosquiteiros chegaram para serem distribuídos aos moradores do assentamento.

Agora a expectativa é para a chegada de inseticidas que matam o mosquito transmissor da doença, o produto é fornecido apenas pelo Ministério da Saúde e já foi solicitado pelo município.

Surto de malária Extremo sul

Comentários

Para comentar esta notícia é necessário entrar com seu login no FACEBOOK.
Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie.

Veja também SAúDE GERAL

Prefeitura de Itamaraju, realiza certificação de concluintes do curso de estética corporal

Prefeitura de Itamaraju, realiza certificação de concluintes do curso de estética corporal

Vacinação contra Covid-19 e contra Gripe acontece neste sábado 18, no Mercadão de Teixeira de Freitas

Vacinação contra Covid-19 e contra Gripe acontece neste sábado 18, no Mercadão de Teixeira de Freitas

Alerta - Erupção em vulcão na África acende alerta e pode causar tsunami na Bahia; entenda

Alerta - Erupção em vulcão na África acende alerta e pode causar tsunami na Bahia; entenda

Quatro municípios têm eleições para prefeitura neste domingo

Quatro municípios têm eleições para prefeitura neste domingo

Últimas publicações