Portal Bahia Extremosul - Central de Notícias

publicado em 12/09/2020 às 16h09min

Setembro Dourado chama atenção para câncer em crianças e adolescentes

Índice representa de 1% a 3% de todos os casos de câncer no país.
compartilha nas redes sociais:
Bruno Bocchini

Todos os anos, 12 mil crianças e jovens, até 19 anos, são diagnosticadas com câncer no Brasil. O montante representa de 1% a 3% de todos os casos de câncer diagnosticados no país, segundo o Instituto Nacional do Câncer (Inca). Sobre essa realidade que a campanha Setembro Dourando chama a atenção da sociedade.

De acordo com a Sociedade Brasileira de Pediatria, o câncer infanto-juvenil, na maioria das vezes,  apresenta sinais e sintomas semelhantes a outras doenças comuns da infância. A recomendação é que os pais realizem consultas regulares com o pediatra.

“É fundamental que os pais e cuidadores realizem consultas pediátricas regulares com seus filhos, visando o diagnóstico precoce da doença e sejam encaminhados para os centros oncológicos pediátricos de referência, permitindo assim, melhor chance de cura, de sobrevida e de qualidade de vida do paciente e da família”, destaca a médica e presidente da Sociedade Brasileira de Pediatria (SBP), Luciana Rodrigues Silva.

Nas crianças e adolescentes, os cânceres mais frequentes são as leucemias, os tumores do sistema nervoso central e os linfomas. No Brasil, assim como nos países desenvolvidos, o câncer representa a primeira causa de óbito por doença entre as crianças e adolescentes de 1 a 19 anos de idade. Segundo a SBP, o câncer infanto-juvenil, comparativamente com o do adulto, cresce quase sempre rapidamente, é geralmente mais agressivo, mas responde melhor à quimioterapia.

Faculdades de Medicina

De acordo com a presidente da SBP, a sensibilização dos gestores públicos é fundamental para a adoção de políticas públicas que aumentem a chance de detecção precoce da doença. “Nesse contexto, outra ação importante seria a inserção do ensino da oncologia pediátrica nas faculdades de medicina, bem como no ensino dos outros profissionais da área da saúde, considerando que no Brasil e no mundo, o câncer infanto-juvenil representa um problema de saúde pública pelo elevado índice de mortalidade, caso a doença não seja diagnosticada precocemente”.

Câncer Crianças e adolescentes

Comentários

Para comentar esta notícia é necessário entrar com seu login no FACEBOOK.
Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie.

Veja também SAúDE GERAL

CAEMA conduz 07 pessoas com drogas, armas, munições e veículo furtado para a delegacia de Posto da Mata

CAEMA conduz 07 pessoas com drogas, armas, munições e veículo furtado para a delegacia de Posto da Mata

População se revolta com ação da ADAB em Teixeira de Freitas; Veja vídeos

População se revolta com ação da ADAB em Teixeira de Freitas; Veja vídeos

Teixeira de Freitas está entre os três maiores produtores de mel da Bahia

Teixeira de Freitas está entre os três maiores produtores de mel da Bahia

Assaltantes agridem jovem por ele não querer entregar o celular durante assalto

Assaltantes agridem jovem por ele não querer entregar o celular durante assalto

Últimas publicações