Portal Bahia Extremosul - Central de Notícias

publicado em 21/12/2019 às 17h14min

Liverpool vence o Flamengo e conquista Mundial de Clubes

Time inglês triunfa na final por 1 a 0 na prorrogação.
compartilha nas redes sociais:
Agência Brasil

O Liverpool derrotou o Flamengo por 1 a 0 na tarde deste sábado (21) e conquistou pela primeira vez o título do Mundial de Clubes da Fifa. A vitória da partida, realizada no estádio Khalifa International, em Doha (Catar), foi obtida apenas na prorrogação, graças a gol do atacante brasileiro Firmino, após empate sem gols nos 90 minutos iniciais.

Com este triunfo, o Liverpool, de certa forma, devolve a derrota de dezembro de 1981, quando a taça ficou com um Flamengo que, comandado pelo craque Zico, venceu por 3 a 0 no estádio Nacional de Tóquio.

O Jogo

O time inglês começou melhor, com 40 segundos o brasileiro Roberto Firmino recebe lançamento de Alexander-Arnold e fica cara a cara com o goleiro Diego Alves. Porém, o atacante é pressionado por Rodrigo Caio e tem o chuta desviado.

Aos 4 minutos o Liverpool tem nova oportunidade de marcar. O egípcio Salah recebe na esquerda e toca para Keita, que chega chutando, mas errado.

Soccer Football - Club World Cup - Final - Liverpool v Flamengo - Khalifa International Stadium, Doha, Qatar - December 21, 2019  Liverpool's Sadio Mane is fouled by Flamengo's Rafinha before the referee's decision is overturned following a

Brasileiro Rafinha (esquerda) e senegalês Mané disputam a bola na final do Mundial de Clubes - REUTERS/Kai Pfaffenbach

Dois minutos depois a equipe da terra dos Beatles tem nova oportunidade, com chute de fora da área do lateral Alexander-Arnold, mas a bola vai por pouco para fora.

Após esta pressão inicial o jogo diminui de ritmo, com as duas equipes não se arriscando tanto, mantendo a linha defesa baixa e tentando abrir espaços com trocas de passes.

Mas aos 23 minutos o Flamengo finalmente tem uma boa oportunidade. O goleiro brasileiro Alisson erra saída de bola, Willian Arão recupera a bola e toca para Bruno Henrique, que tem a bola tomada pelo holandês Van Dijk.

Aos 26 nova chance clara de Bruno Henrique, ele recebe lançamento nas costas do lateral Alexander-Arnold e avança. Mas na hora do chute é bloqueado pelo zagueiro Joe Gomez.

A partir desse momento a equipe comandada pelo técnico português Jorge Jesus passa a ter mais posse de bola, e aposta nas jogadas pela esquerda, com Bruno Henrique.

Soccer Football - Club World Cup - Final - Liverpool v Flamengo - Khalifa International Stadium, Doha, Qatar - December 21, 2019  Flamengo's Giorgian de Arrascaeta in action       REUTERS/Ibraheem Al Omari

Uruguaio Arrascaeta tenta chutar para o gol do brasileiro Alisson - REUTERS/Ibraheem Al Omari

Aos 31 a equipe brasileira chega muito bem, com tabela entre Gabriel Barbosa, Arrascaeta e Bruno Henrique, mas, na hora de finalizar, o camisa 9 chuta mal.

Um minuto depois nova chance do Flamengo, agora em cabeceada de Bruno Henrique após cruzamento de Rafinha, mas a defesa do Liverpool consegue cortar.

O Liverpool passa então a aumentar um pouco a intensidade do jogo.

Aos 37 o time inglês tem a oportunidade de criar uma boa chance. A equipe inglesa puxa contra-ataque rápido com Salah após erro de passe de Everton Ribeiro, mas o egípcio erra ao tentar inverter a bola.

O jogo chega ao intervalo sem mudanças no placar, mas com um grande equilíbrio, que é evidenciado na posse de bola (58% a 42% para o Flamengo) e no número de chances a gol (6 a 3 para a equipe brasileira).

Segundo tempo sem gols

A etapa final começou com o Liverpool em alta rotação. Com 1 minuto Firmino quase marca. O camisa 9 recebe lançamento de Henderson, se livra de Rodrigo Caio com um toque por cobertura e chuta mascado de frente para Diego Alves, mas a bola, caprichosamente, explode na trave.

Três minutos depois nova oportunidade do time inglês. Alexander-Arnold cruza para chute de Salah, mas para fora.

Aos 7 minutos é o Flamengo que chega com perigo. Arrascaeta recebe na entrada da área, se livra da marcação e toca para Gabriel Barbosa, que chega finalizando.

Um minuto depois o camisa 9 chega de novo com perigo para boa defesa do brasileiro Alisson.

Soccer Football - Club World Cup - Final - Liverpool v Flamengo - Khalifa International Stadium, Doha, Qatar - December 21, 2019  Flamengo's Pablo Mari in action with Liverpool's Mohamed Salah   REUTERS/Kai Pfaffenbach

Egípcio Salah (esquerda) e espanhol Pablo Marí na final disputada no Catar - REUTERS/Kai Pfaffenbach

A partida melhora muito no início do segundo tempo, com muita emoção e intensidade.

O Flamengo volta a criar uma boa chance aos 21 minutos, quando Arrrascaeta dá passe em profundidade para Gabriel Barbosa, que chuta da pequena área. Mas o holandês Van Dijk consegue cortar a finalização.

Três minutos depois o atacante Gabriel Barbosa finaliza de bicicleta após cruzamento de Bruno Henrique. Mas Alisson fica com a bola. Seria um belo gol.

O Liverpool começa a achar espaços na ponta esquerda, aproveitando espaços dados pelo lateral Rafinha. Em uma destas jogadas, aos 35 minutos, Mané toca para Firmino na esquerda. E o brasileiro cruza para Alexander-Arnold, que chuta para defesa de Diego Alves.

Cinco minutos mais tarde outra boa oportunidade do time inglês. Após boa jogada de Mané e Salah, o egípcio toca para Henderson, que bate forte de fora da área. Mas o goleiro Diego Alves faz bela defesa.

Aos 45 minutos acontece um lance polêmico, quando o juiz Al Jassim Abdulrahman, do Catar, marca inicialmente um pênalti do lateral Rafinha em cima de Mané na entrada da área. Mas, com auxílio do árbitro de vídeo (VAR, na sigla em inglês), ele cancela a marcação.

Soccer Football - Club World Cup - Final - Liverpool v Flamengo - Khalifa International Stadium, Doha, Qatar - December 21, 2019  Flamengo's Diego Alves and teammates react towards referee Abdulrahman Al Jassim       REUTERS/Corinna Kern

Jogadores do Flamengo questionam marcação de pênalti - REUTERS/Corinna Kern

Com a manutenção da igualdade nos 90 minutos, a partida vai para a prorrogação.

Vitória no tempo extra

Desde o primeiro minuto da prorrogação o Flamengo dava sinais de uma queda no aspecto físico.

Isto fica mais evidente aos 8 minutos, quando Henderson lança Mané, que, com grande liberdade, toca para Firmino, que se livra da marcação e toca para o fundo do gol de Diego Alves.

Dois minutos depois Salah quase faz o segundo. Ele acerta um belo chute da entrada da área, mas Diego Alves faz uma bela defesa.

A partir de então o time inglês conseguiu segurar o Flamengo para ficar com seu primeiro título mundial.

Primeiro Mundial

Apesar de ter conquistado a Liga dos Campeões da Europa em 6 oportunidades, o time da terra dos Beatles só participou de 4 disputas pelo título mundial, e desistiu em 2 oportunidades.

Além da derrota para o Flamengo em 1981, o Liverpool perdeu para o Independiente em 1984 e para o São Paulo em 2005. E, em 2019, finalmente ficou com seu primeiro título.

Ficha Técnica

Sábado, 21 de dezembro de 2019

LIVERPOOL 1 X 0 FLAMENGO

Competição: Mundial de Clubes da Fifa

Local: Estádio Khalifa Internacional, Doha (Catar)

Liverpool: Alisson; Alexander-Arnold, Joe Gomez, Van Dijk e Robertson; Henderson, Keita (Milner) e Oxlade-Chamberlain (Lallana); Mané, Salah (Shaqiri) e Firmino (Origi). T: Jürgen Klopp.

Flamengo: Diego Alves; Rafinha, Rodrigo Caio, Pablo Marí e Filipe Luís; Willian Arão (Berrío), Gerson (Lincoln) e Arrascaeta (Vitinho); Everton Ribeiro (Diego), Gabriel Barbosa e Bruno Henrique. T: Jorge Jesus.

Gol: Primeiro tempo prorrogação: Firmino (8).

Campeão Mundial de Clubes

Comentários

Para comentar esta notícia é necessário entrar com seu login no FACEBOOK.
Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie.

Veja também ESPORTE GERAL

Nova Viçosa passa dos 120 casos positivos do Covid-19 e registra o 4° óbito no município

Nova Viçosa passa dos 120 casos positivos do Covid-19 e registra o 4° óbito no município

Óleo volta a poluir praias de Alagoas e Pernambuco

Óleo volta a poluir praias de Alagoas e Pernambuco

Sobe para 47 os casos de coronavírus em Ibirapuã

Sobe para 47 os casos de coronavírus em Ibirapuã

Itamaraju passa dos 300 casos positivos do Covid-19

Itamaraju passa dos 300 casos positivos do Covid-19

Últimas publicações