Portal Bahia Extremosul - Central de Notícias

publicado em 01/10/2019 às 20h38min

TCM pune acumulação indevida de cargos em Itabuna

Cabe recurso da decisão.
compartilha nas redes sociais:
TCM/BA

Na sessão desta terça-feira (01/10), o Tribunal de Contas dos Municípios julgou parcialmente procedente termo de ocorrência lavrado contra o prefeito de Itabuna, Fernando Gomes Oliveira, em razão da não adoção de providências para evitar a acumulação ilegal de cargos públicos por servidores municipais, no exercício de 2018. O relator do processo, conselheiro substituo Antônio Emanuel de Souza, multou o gestor em R$3 mil. Também determinou a adoção de providências imediatas para impedir a acumulação ilícita de cargos, empregos ou funções públicas pelos servidores municipais citados no processo.

O relator considerou irregular a acumulação de cargos públicos pelos servidores Cristina Carvalho Menezes; Daniela Dias Bispo; Humberto Luiz de Almeida Goes; Jaqueline de Jesus da Silva; Marcos Jader Souza Vieira; Benício de Andrade; e Cristiano Gomes dos Santos .

Cabe recurso da decisão.

Acumulação de cargos Itabuna

Comentários

Para comentar esta notícia é necessário entrar com seu login no FACEBOOK.
Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie.

Veja também BAHIA

Ministério do Meio Ambiente cria base avançada do Projeto Tamar em Caravelas

Ministério do Meio Ambiente cria base avançada do Projeto Tamar em Caravelas

Motociclista fica ferido ao colidir com carro na BA 290. Motorista fugiu do local do acidente

Motociclista fica ferido ao colidir com carro na BA 290. Motorista fugiu do local do acidente

Motociclista tem fratura exposta ao ser atingido por caminhonete

Motociclista tem fratura exposta ao ser atingido por caminhonete

Publicada com vetos lei sobre ajuda financeira a estados e municípios

Publicada com vetos lei sobre ajuda financeira a estados e municípios

Últimas publicações